Scroll Top

Como EMAGRECER Definitivamente de Uma Forma Rápida e SAUDÁVEL, Sem Sofrimento e Sem Suar em Academias...

Coloque seu E-mail:

Como Conquistar o homem dos seus Sonhos

Dicas de Saúde Doenças e Tratamentos

Gastroparesia – O que é, Sintomas e Tratamentos

Gastroparesia – O que é, Sintomas e Tratamentos dessa doença. Além disso, a Gastroparesia é uma desordem no estômago quando ele leva muito tempo para esvaziar. Esta desordem, também conhecida como esvaziamento gástrico tardio, é resultado de músculos fracos ou anormais no estômago. Não há uma cura conhecida para Gastroparesia, mas o tratamento médico pode ajudá-lo a gerenciar seus sintomas. O movimento dos músculos no trato GI, juntamente com a liberação de hormônios e enzimas, permite a digestão dos alimentos.

A Gastroparesia pode ocorrer quando o nervo vago é danificado por doença ou lesão e os músculos do estômago param de trabalhar normalmente. O alimento, então, move-se lentamente do estômago para o intestino delgado ou pára de se mover por completo.

A Gastroparesia retarda ou interrompe o movimento do alimento do estômago Para o intestino delgado.

Causas da Gastroparesia: A causa exata da Gastroparesia não é conhecida, mas pensa-se que tem algo a ver com sinais de nervos interrompidos no estômago. Acredita-se que o nervo vago, que controla o movimento dos alimentos através do trato digestivo, fica danificado e faz com que os alimentos sejam digeridos lentamente ou não.

Uma causa comum de danos ao nervo vago é diabetes, especificamente diabetes que não está bem controlada. Níveis elevados de açúcar no sangue podem mudar a forma como o nervo vago obtém os seus nutrientes. As cirurgias que envolvem o estômago ou outros órgãos digestivos também podem prejudicar o nervo vago.

Sintomas da Gastroparesia: Os sintomas da Gastroparesia variam de leve a grave. Eles ocorrem mais frequentemente em algumas pessoas do que outros. Os sintomas da Gastroparesia podem incluir:

  • Dor abdominal superior;
  • Náusea;
  • Vômito;
  • Azia;
  • Perda de apetite;
  • Excesso de gás;
  • Inchaço;
  • Mudanças nos níveis de açúcar no sangue;
  • Sentimento de inchaço após comer pouco;
  • Desnutrição;
  • Perda de peso não intencional;
  • Abdômen inchado.

Tratamentos da Gastroparesia: Seu médico pode prescrever um ou mais medicamentos para tratar sua Gastroparesia. Medicamentos como a proclorperazina (Compro) e a difenidramina (Benadryl) são freqüentemente administrados para controle de náuseas e vômitos causados ​​por Gastroparesia.

Medicamentos como metoclopramida (Reglan) e cisaprida (Prepulsid, Propulsid) estimulam os músculos do estômago e ajudam na digestão. Mas essas drogas podem causar efeitos colaterais. Fale com o seu médico para decidir qual medicamento é ideal para você.

Cirurgia: Se a sua desnutrição ou vômito continua a ser um problema, mesmo com o uso de medicamentos, seu médico pode decidir que a cirurgia no estômago é necessária. O objetivo da cirurgia para Gastroparesia é ajudar seu estômago a esvaziar-se de forma mais eficaz. A cirurgia pode implicar grampeamento no estômago ou procedimento de bypass no estômago.

Alterações da Dieta: Ir a um nutricionista, especialista em alimentação e nutrição, é uma parte comum do tratamento para Gastroparesia. Um nutricionista pode sugerir alimentos que seu corpo pode digerir mais facilmente, permitindo que seu corpo absorva mais nutrientes. Seu nutricionista pode fazer sugestões como:

  • Consumir legumes e frutas bem cozidas para diminuir a quantidade de fibras que contêm neles;
  • Consumir principalmente alimentos com baixo teor de gordura;
  • Beber água durante a refeição;
  • Evitar alimentos com muita fibra, como brócolis e laranjas;
  • Consumir refeições menores com mais frequência.

Se você tem um caso grave de Gastroparesia, talvez você não consiga comer alimentos sólidos e beber líquidos. Neste caso, você pode precisar de um tubo de alimentação até que sua condição melhore.

DEIXE SEU COMENTÁRIO!

Comentários

VOCÊ PRECISA VER ISSO:

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.