Scroll Top

Como EMAGRECER Definitivamente de Uma Forma Rápida e SAUDÁVEL, Sem Sofrimento e Sem Suar em Academias...

Coloque seu E-mail:

Como Conquistar o homem dos seus Sonhos

Dicas de Saúde Doenças

Dor na Vagina – O que Pode ser, Causas e Tratamento

Dor na Vagina – O que Pode ser, Causas e Tratamento, são uma das melhores formas de conhecer seu corpo e prevenis algumas doenças. Além disso, as dores e desconfortos na região íntima podem afetar muitas mulheres em diferentes momentos da vida e as causas precisam ser identificadas com ajuda de um ginecologista para que o melhor tratamento seja realizado.

Infecções, inflamações e doenças sexualmente transmissíveis são apenas algumas das causas de dores ou desconforto da região vaginal. Nesse sentido, é de extrema importância buscar ajuda médica quando sentir o sintoma, pois tratando rapidamente algumas doenças é mais fácil de chegar à cura.

Dor na Vagina Pode ser Sinal de Endometriose: Dor durante a penetração e alterações no seu ciclo menstrual podem indicar um quadro de endometriose ou doença inflamatória pélvica. Em comum, dores e incômodo na região íntima. Exames ginecológicos podem identificar o problema e o tratamento certo para cada tipo de caso.

Dor na Vagina Pode ser Sinal de Vaginismo: O vaginismo também provoca dor e se refere à dificuldade que a mulher possui de colocar objetos em sua vagina, como preservativos femininos e absorventes higiênicos internos. Nas relações sexuais também é possível sentir dor na hora da penetração, tudo isso porque ocorre uma contração involuntária da musculatura da pelve.

Porém, a razão não está associada a problemas físicos, mas sim, a psicológicos, que devem ser trabalhados. A mulher que possui o vaginismo tem dificuldade até mesmo de mexer na sua vagina com as mãos, além de sofrer de ansiedade e baixa autoestima.

Dor na Vagina Pode ser Sinal de Infecção da Glândula de Bartholin: As glândulas de Bartholin são um par de glândulas que são encontradas nos tecidos da parede vaginal, em ambos os lados. Estas podem se tornar inflamadas causando a Bartolinite, isso irá causar Dor na Vagina durante a relação sexual. Raramente, as glândulas incham durante a relação sexual, o início é indolor, mas torna-se doloroso se você continua a haver uma relação sexual.

Dor na Vagina Pode ser Sinal de Herpes: Um pequeno caroço dolorido na região da vagina pode ser indicativo de herpes. Assim como a herpes comum, ela não tem cura, mas tem tratamento. Remédios que reduzem a frequência dos surtos e controlam a Dor na Vagina podem ser necessários.

Dicas de Como Evitar e Tratar a Dor na Vagina: A Dor na Vagina é um problema que pode ser muito comum e por isso, saber como evitar e tratar a Dor na Vagina é muito importante.

  • Vagina saudável também depende do seu nível de tensão no dia a dia. Se está estressada, com excesso de peso, menstruação irregular, em dieta ou tomando medicações fortes, tudo pode interferir. Quando isso acontece, as bactérias erradas podem prosperar, trazendo desconforto e Dor na Vagina.
  • Evite sabonetes perfumados para a limpeza de sua área vaginal.
  • Embora possa ser difícil lembrar no calor do momento, usar um pouco de lubrificante pode ajudar a evitar Dor na Vagina, inclusive depois da penetração. Mesmo que sua lubrificação seja boa, o corpo pode ter problemas para mantê-la se o sexo é mais intenso ou demorado.
  • Use roupas íntimas que permitam que a vagina e a vulva respirem, como as de algodão.
  • Passar o dia inteiro com maiô ou biquíni molhado pode desencadear esses desconfortos citados anteriormente, porque, se há três condições que as bactérias adoram, são: calor, umidade e escuridão.

DEIXE SEU COMENTÁRIO!

Comentários

VOCÊ PRECISA VER ISSO:

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.