Scroll Top

Como EMAGRECER Definitivamente de Uma Forma Rápida e SAUDÁVEL, Sem Sofrimento e Sem Suar em Academias...

Coloque seu E-mail:

Como Conquistar o homem dos seus Sonhos

Dicas de Saúde Doenças e Tratamentos

Dispepsia – O que é, Sintomas e Tratamentos

Dispepsia – O que é, Sintomas e Tratamentos deste desconforto bastante conhecido como indigestão. Além disso, A Dispepsia é caracterizada por dores no estômago. A Dispepsia pode estar relacionada a diversas doenças subjacentes, mas inclui uma série de outros sintomas, como dor, arrotos, empachamento, sensação de peso, queimação, náusea e saciedade precoce. Primeiro, para definir corretamente a Dispepsia, é importante saber que não é uma doença. Em vez disso, a Dispepsia é um conjunto de sintomas comuns como eructação (arrotos), inchaço e náuseas.

Indigestão ou Dispepsia, também chamada de dor de estômago, é um termo geral usado para descrever o desconforto físico ou dor na parte superior do abdômen mais comumente sentida durante ou logo após o consumo de alimentos. Algumas pessoas experimentam Dispepsia diariamente, enquanto outros sofrem com os sintomas ocasionalmente. Muitas pessoas experimentam azia junto com a Dispepsia, mas estes são dois problemas separados.

Em condições normais, há um peristaltismo (conjunto de contrações musculares) saudável que ocorre quando consumimos alimentos. Peristalsis é a contração involuntária e relaxamento dos músculos lisos que propulsiona alimentos através do esôfago e intestinos. Quando o peristaltismo não ocorre da melhor maneira, isso retarda o processamento de alimentos no trato digestivo e torna a Dispepsia mais provável.

Causas da Dispepsia: A Dispepsia está mais relacionada a certos hábitos.
A Dispepsia pode ser provocada por:

  • Comer muito rápido;
  • Comer demais em uma refeição;
  • Beber muito álcool;
  • Comer alimentos picantes;
  • Consumo excessivo de cafeína;
  • Estresse;
  • Fumar.

Outras Possíveis Causas de Dispepsia Incluem Condições Médicas tais Como:

  • Úlceras;
  • Cálculos biliares;
  • Hérnia hiatal;
  • Esofagite;
  • Gravidez (especialmente tardia);
  • Pancreatite;
  • Gastrite;
  • Infecções do estômago como Helicobacter pylori;
  • Intoxicação alimentar;
  • Gastroparesia (uma condição em que o estômago não se esvazia adequadamente, comum em diabéticos);
  • Alergias ou sensibilidades alimentares;
  • Doença da tireóide;
  • Depressão;
  • Câncer de estômago (raramente);
  • Doença cardíaca, angina, ataque cardíaco (normalmente acompanhada por outros sintomas como falta de ar, náuseas, vômitos e dor na mandíbula).

Sintomas da Dispepsia: A maioria das pessoas com Dispepsia sente dor e desconforto na área do estômago ou do peito. A sensação geralmente aparece logo após o consumo de comida ou bebida. Em alguns casos, os sintomas podem aparecer algum tempo após uma refeição. Algumas pessoas sentem-se cheias durante uma refeição, mesmo que não tenham comido muito. Azia e Indigestão são duas condições separadas. A azia é uma sensação de queimação do esterno, geralmente após comer.

Os Seguintes Sintomas de Dispepsia Também são Comuns:

  • Náusea
  • Arrotos
  • Sentindo-se inchado (muito cheio)
  • Em casos muito raros, a Indigestão pode ser um sintoma de câncer de estômago.

A Dispepsia suave raramente é algo com o qual se deva preocupar. Você deve consultar seu médico se os sintomas continuarem por mais de duas semanas. Consulte o seu médico imediatamente se a dor for grave, e os seguintes também ocorrem:

  • Perda de apetite ou perda de peso
  • Vômito
  • Fezes pretas
  • Icterícia (coloração amarela dos olhos e da pele)
  • Dor no peito quando você se esforça
  • Falta de ar
  • Sudorese
  • Radiação da dor no peito para a mandíbula, braço ou pescoço

Tratamentos da Dispepsia: A Dispepsia pode ter diversas causas, de modo que o tratamento varia de acordo com o diagnóstico estabelecido pelo médico. Por isso, somente um especialista capacitado pode dizer qual o medicamento mais indicado para o seu caso, bem como a dosagem correta e a duração do tratamento. Os medicamentos mais comuns no tratamento de Dispepsia são:

  • Antidin
  • Cimetidina
  • Digedrat
  • Digeplus
  • Domperidona
  • Motilium
  • Omeprazol
  • Pantoprazol

Siga sempre à risca as orientações do seu médico e NUNCA se automedique. Não interrompa o uso do medicamento sem consultar um médico antes e, se tomá-lo mais de uma vez ou em quantidades muito maiores do que a prescrita, siga as instruções na bula.

DEIXE SEU COMENTÁRIO!

Comentários

VOCÊ PRECISA VER ISSO:

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.