Scroll Top

Como EMAGRECER Definitivamente de Uma Forma Rápida e SAUDÁVEL, Sem Sofrimento e Sem Suar em Academias...

Coloque seu E-mail:

Como Conquistar o homem dos seus Sonhos

Dicas de Saúde Doenças e Tratamentos

Condiloma – O que é, Causas, Sintomas e Tratamentos

Condiloma – O que é, Causas, Sintomas e Tratamentos desta condição. Além disso, O Condiloma é uma infecção do trato genital humano por papiloma vírus (HPV) é uma das mais comuns DST virais. Este tipo de lesão pode estar associada à infecção pelo vírus do HPV, sendo chamado de Condiloma acuminado, ou surgir nos casos de sífilis secundária, sendo conhecido como Condiloma plano.

As verrugas genitais (verrugas venéreas, Condiloma acuminado, verrugas-figo) são conhecidas há muito tempo, mas até recentemente eram consideradas triviais e a transmissão sexual era até questionada por alguns. Atualmente sabe-se que o Condiloma acuminado é apenas a manifestação mais óbvia das infecções por HPV na região genital.

Causas do Condiloma: O papilomavírus humano (HPV) é o maior causador do Condiloma. Há mais de 40 diferentes cepas de HPV que afetam especificamente a área genital. HPV genital é transmitido através do contato sexual. Na maioria dos casos, o sistema imunológico mata os vírus e você nunca desenvolve sinais ou sintomas de infecção.

Sintomas do Condiloma: Estes são os principais sintomas do Condiloma:

  • Verrugas não dolorosas, isoladas ou agrupadas, que aparecem nos órgãos genitais.
  • Irritação ou coceira no local.
  • O risco de transmissão é muito maior quando as verrugas são visíveis.
  • As lesões podem aparecer no pênis, ânus, vagina, vulva (genitália feminina), colo do útero, boca e garganta.
  • O vírus pode ficar latente no corpo: a lesão muitas vezes aparece alguns dias ou anos após o contato.
  • As manifestações costumam ser mais comuns em gestantes e pessoas com imunidade baixa.

Diagnóstico do Condiloma: O diagnóstico do Condiloma é feito analisando as lesões e o histórico do paciente. O tratamento enfoca o desaparecimento das verrugas por meios cirúrgicos ou fármacos de uso tópico. Estas, tal como no caso do herpes, podem voltar em outro momento, no mesmo ou em outro local. Sobre isso, a literatura diz que recidivas anais, por exemplo, ocorrem entre 4 e 84% dos indivíduos acometidos.

Tratamentos do Condiloma: O tratamento do Condiloma dependerá do seu tipo e da sua gravidade. No caso do Condiloma plano, também conhecido como Condiloma lata, o tratamento é feito com antibióticos para eliminar a bactéria responsável pela sífilis e que leva ao surgimento deste tipo de lesões na pele.

Quando o tratamento não é feito, o Condiloma pode desaparecer, mas irá reaparecer novamente e pode até aumentar de tamanho e ser acompanhado de sintomas mais graves, como perda de apetite ou anemia, que caracterizam a sífilis terciária, que é a forma mais avançada da doença.

Prevenção do Condiloma: A prevenção do seu contágio e transmissão do Condiloma deve ser feita com o uso da camisinha, exames médicos periódicos (papanicolau) e a utilização de vacinas que podem evitar o reaparecimento do Condiloma acuminado.

DEIXE SEU COMENTÁRIO!

Comentários

VOCÊ PRECISA VER ISSO:

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.