Scroll Top

Como EMAGRECER Definitivamente de Uma Forma Rápida e SAUDÁVEL, Sem Sofrimento e Sem Suar em Academias...

Coloque seu E-mail:

Como Conquistar o homem dos seus Sonhos

Dicas de Saúde Doenças

As 9 Dicas Para Tratar Problemas de Rinite, Sinusite e Adenoide

As Dicas Para Tratar Problemas de Rinite, Sinusite e Adenoide que forma e 100% natural. Além disso, algumas medidas simples podem aliviar os sintomas da Sinusite, diluir a secreção é o primeiro passo para que possa ser eliminada, caso esteja também com gripe, resfriado ou algum processo alérgico beba bastante água, que hidrata o organismo, diminuindo a queda de imunidade, ao longo do dia, goteje duas ou três gostas de soro fisiológico nas narina, inalar o vapor d´água também ajuda a descongestionar o nariz, não use remédios naturais sem comprovação cientifica como a buchinha do norte, que e tóxica, evite ficar em ambientes com ar-condicionado, pois, além de ressecar as mucosas da secreção dissemina agentes infecciosos que podem contaminar os seios da face, procure um médico pra receber o tratamento adequado.

Experimente tampar seu nariz por alguns instantes e verá que a sensação é horrível, mesmo que você tente respirar pela boca. Isso porque a função primordial do órgão é absorver o ar necessário ao funcionamento do organismo. Essa estrutura, muitas vezes rejeitada por não atender padrões estéticos idealizados, tem um valor que vai muito além da beleza, é a porta de entrada para todo o sistema respiratório. Por isso, quando o órgão funcional mal, as consequências podem ser grandes e severas. A seguir, entenda e aprenda a lidar com alguns dos problemas comuns quando o assunto é nariz obstruído. Então, confira agora As 9 Dicas Para Tratar Problemas de Rinite, Sinusite e Adenoide.

Rinite:

Problema Comum: Estima-se que em cada 10 pessoas quatro sofram de Rinite, uma inflamação na mucosa do nariz, que se repete com frequência. Espirros constantes (até 20 de uma só vez), coriza liquida e abundante, coceira persistente no nariz, nos olhos, nos ouvidos, no céu da boca e na garganta, narinas entupidas por excesso de muco, sensação de escorrimento da secreção pela parte de traz do nariz, que pode provocar pigarro ou tosse insistente, alterações do olfato e do paladar, tosse crônica noturna, amidalites, faringites e inflamações repetidas de ouvido. Todos esses sintomas apontam para a doença, que pode ter origens variadas.

De Onde Vem: A Rinite medicamentosa é aquela causada pelo uso abusivo de soluções nasais á base de cloreto de sódio e de outras substâncias. Existe também a Rinite atrófica ozenosa, uma inflação crônica que provoca a formação de estruturas fétidas na parte interna do nariz. Ela é menos comum. A mais popular é a do tipo alérgica, relacionada a uma predisposição do individuo ao processo inflamatório”.

O que Fazer: Como maior incidência de Rinite é alérgica, o tratamento consiste em melhora a ventilação nasal e desinflamar a mucosa, para que as secreções possam ser eliminadas sem dificuldades. Para isso, a primeira medida é manter o ambiente, de trabalho ou domestico bem higienizado. Limpar frequentemente a casa e evitar a colocação de carpetes, cobertores, cortinas, pelúcias e tudo mais que favoreça o acúmulo de poeira e de ácaros. Além disso, animais de estimação dentro de casa também precisam ser evitados, uma vez que pelos e menos também podem ser agentes alérgicos. Produtos de limpeza, perfumes e outras substâncias com odor forte podem causar alegria. Outra solução simples e eficaz é abrir as janelas, especialmente em momentos ensolarados, para que o ambiente fique arejado. Dependendo do grau de Rinite, também é recomendado o tratamento medicamentoso ou com vacinas antialérgicas”.

Sinusite:

Cada um é um: Embora muita gente confunda Rinite com Sinusite e vice-versa (convenhamos, até os nomes são semelhantes) as doenças são, sim, relacionadas, mas diferentes uma da outra. “Na verdade, quem tem Sinusite já esteve Rinite, pois a primeira é um agravamento da segunda”. As estruturas nasais têm o mesmo tipo de tecido, sendo as fossas nasais e os seios da face (cavidades ósseas ao redor do nariz, das maçãs do rosto e dos olhos) muito semelhantes. Assim, uma vez a mucosa do nariz está inflamada, os seios da face não conseguem eliminar as secreções naturais que produzem. Então, o muco de ambas as partes são drenado pelo nariz aloja-se na face, favorecendo a proliferação de bactérias e o processo inflamatório”, conclui.

Saiba Diferenciar: A Sinusite pode ser aguda ou crônica. No primeiro tipo, são comuns dores de cabeça nas áreas dos seios das faces, que podem ser como pontadas, pulsações ou pressão. Obstrução nasal, com presença de secreção amarelada ou esverdeada e até sanguinolenta, febre, cansaço, tosse e dores musculares são outros sintomas. Já na rinite crônica, os sintomas se repetem, porém tendem a ser mais intensos durante a noite, quando a pessoa se deita e a secreção escoa para parte posterior das forças nasais. As reações adversas podem desaparecer ao longo do dia.

Raiz do Problema: O diagnostico da doença é feito por meio de uns raios-X bem tirado ou pela tomografia computadorizada, que é mais abrangente e revela a concentração de líquidos nos seios da face. O tratamento da Sinusite pode ser feito á base de antibióticos e corticoides (de uso tópico ou sistêmico). No entanto, é preciso verificar o causador da inflamação, já que os antibióticos não devem ser usados em casos de Sinusite viral. Em alguns casos, dependendo da gravidade e da duração do problema, procedimentos cirúrgicos também podem ser adotados. Vale lembrar que, mesmo após uma cirurgia, é preciso dar continuidade ao tratamento de Rinite, por exemplo, que costuma estar acompanhada da Sinusite. Caso contrário os dois problemas podem voltar e se agravar.

Adenoide:

Crescimentos Descompassado: Diferente da Rinite e da Sinusite, a Adenoide não é uma doença. Trata-se, na verdade, de um tecido que faz parte da anatomia do nariz, ficando em sua parte interna posterior. Da mesma família das amídalas palatinas (aquelas que ficam na entrada da garganta), nasce juntamente com cada individuo e desparece à medida que a cabeça da pessoa cresce, chegando ao seu limite por volta dos 11 aos 12 anos. “Portanto, é extremamente raro encontrar um adulto que tenha desaparecido ate a adolescência, já deveria ter sido retirada pelos incômodos que causa”.

Tratamento Exclusivo: A hipertrofia da adenoide pode fazer com que a criança durma de boca aberta, ronque, tenha apneia do sono, interrupção de respiração e até obstrução na Trompa de Eustáquio, canal que liga o nariz ao ouvido, prejudicando o funcionamento desses ultimo órgão e causado otites de repetição. Dependendo do quadro, o paciente pode sofrer com muitas infecções respiratórias e o tecido excessivo pode crescer ao ponto de obstruir a saída no nariz. “Se não retirada, a Adenoide pode prejudicar o convívio social da criança e seu processo de desenvolvimento e aprendizado, afetando, inclusive, sua estrutura dentária”. A única solução para essa alteração é a cirurgia e pode acontecer em qualquer fase da infância e da adolescência, sendo que costuma limitar-se aos 12 anos de idade. Solução ou Complicação: E muito comuns pessoas que sofrem constantemente com p entupimento de nariz utilizar às soluções navais a base de cloreto de sódio, esses remédios funcionam como os detergentes para higienizar as fossas nasais. Portanto, é um habito valido, mas apenas como coadjuvante no tratamento de obstrução nasal. O especialista faz um alerta. “Algumas soluções nasais disponíveis no mercado contem cloreto de benzalcônio, que tem uma positiva ação antisséptica. Já outras que contem a adrenalina em sua composição, causam dependência e, se usadas por muito tempo, aumentam a pressão arterial”. A grande contradição sobre soluções de cloreto de sódio em geral é que seu uso prolongado acaba ressecando as fossas nasais, que por sua vez prejudica a filtragem do ar e a respiração.

DEIXE SEU COMENTÁRIO!

Comentários

VOCÊ PRECISA VER ISSO:

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.