Scroll Top

Como EMAGRECER Definitivamente de Uma Forma Rápida e SAUDÁVEL, Sem Sofrimento e Sem Suar em Academias...

Coloque seu E-mail:

Como Conquistar o homem dos seus Sonhos

Beleza e Estética Dicas de Saúde Estrias Gravidez

As 5 Dicas Para Evitar as Estrias na Gravidez

As 5 Dicas Para Evitar as Estrias na Gravidez são muito importante para manter uma pele linda mesmo depois da Gravidez. Além disso, Além disso,  as espinhas, estrias e celulites são comuns no bumbum. A região é propícia ao surgimento desses problemas, já que fica abafada dentro de calças, roupas apertadas, calcinhas de tecido sintético, entre outros fatores que favorecem essas marcas.

Por que é comum a Gestante Apresentar Estrias: Segundo a médica, existem dois fatores preponderantes no desenvolvimento de Estrias na Gravidez. A hereditariedade interfere no aparecimento, mas não é o principal fator. Filhas de mães que tiveram Estrias na Gravidez têm mais chances, porém, a principal causa é, sem dúvida, o ganho excessivo de peso.

Os obstetras calculam o ganho de peso saudável para a mulher. Quem respeita este limite dificilmente desenvolve as marcas; enquanto pessoas que ganham uns quilinhos a mais têm grandes chances de tê-las. As únicas estrias que não dependem do ganho de peso são as da mama. Estas surgem pelo aumento rápido da área durante a gestação ou na amamentação.

Tipos de Estrias: Existem 2 tipos de Estrias, as Estrias recentes e as Estrias mais antigas. Quando as Estrias são recentes, elas são de cor rosa ou vermelhas, já as Estrias mais antigas ficam esbranquiçadas com o tempo. As Estrias rosadas são recentes, e podem apresentar uma discreta coceira e são geralmente acompanhadas por um processo inflamatório no local.

Já as Estrias brancas, como são mais antigas, onde já ocorreu uma atrofia mais intensa das fibras colágenas e elásticas, não há inflamação envolvida no processo. Em pessoas de pele morena ou negra as Estrias podem aparecer com uma coloração mais escura do que seu tom de pele.

Como Evitar as Estrias na Gravidez: Quem se interessa pelo assunto, normalmente, já mostra marcas vermelhas ou esbranquiçadas na pele. As Estrias na Gravidez não avisam que estão chegando, nem dão sinal de que cansaram de surgir e, para a piorar a situação, são difíceis de tratar. Existem tratamentos capazes de melhorar o aspecto das lesões, mas não as estrias em si. O ideal é investir em hábitos saudáveis, fortalecendo a pele e prevenindo o surgimento de novas cicatrizes.

Pode parecer estranho, mas as estrias são lesões – a pele se rompe quando há um estiramento muito intenso. O problema é muito comum na adolescência se o crescimento acontece rapidamente, e não de forma gradual, ou na gravidez, por causa do ganho de peso. Se você quer evitar o problema, em vez de se preocupar com ele mais tarde, veja as dicas dos especialistas.

Usar cremes e óleos hidratantes: Cremes hidratantes e óleos ricos em Vitamina E, adequados para fornecer uma hidratação profunda à pele durante a gravidez reduzem as chances do aparecimento de Estrias na Gravidez, pois aumentam a elasticidade da pele. Uma opção boa opção que pode ser usada é o Óleo Bio-Oil, que é rico em vitamina E e deve ser aplicado a partir do quarto mês de gravidez em áreas que sejam propensas a estrias como os mamas, glúteos, coxas, abdômen e seios.

Fazer massagens regularmente na barriga e nas mamas: Fazer massagens regularmente na barriga e nas mamas, também ajuda a evitar as Estrias na Gravidez, pois dá uma melhor elasticidade a pele e ajuda e ativar a circulação sanguínea nestas regiões. É importante que estas massagens sejam feitas diariamente, principalmente nas regiões com maior tendencia para o aparecimento de estrias como barriga, mamas e coxas e podem ser feitas quando passa o creme ou óleo no corpo após o banho, por exemplo.

Usar roupa íntima apropriada: Usar roupa íntima apropriada que permita segurar bem a barriga e ajude a suportar as mamas também ajuda a reduzir as chances do aparecimento de Estrias na Gravidez. Além disso, usar roupas largas e de algodão também é importante, pois ao não apertar facilitam a circulação sanguínea.

Comer alimentos ricos em vitamina C e E: Os alimentos ricos em vitamina C, como as frutas cítricas, são alimentos ricos em substâncias antioxidantes, como betacaroteno ou flavonoides, que agem como estimulantes do colágeno da pele, contribuindo também para o combate ás Estrias na Gravidez. Por outro lado, alimentos ricos em vitamina E como cereais integrais, óleos vegetais e sementes, sevem para proteger as células do organismo, sendo a vitamina E uma vitamina antioxidante com propriedades anti-envelhecimento para a pele.

Controlar o peso durante a gravidez: Controlar o peso durante a gravidez também ajuda a prevenir o aparecimento de estrias e para tal é necessário que a grávida acompanhe regularmente o seu peso e que mantenha uma dieta saudável e equilibrada rica em legumes, frutas, cereais integrais, carnes brancas, peixe e ovo, evitando os alimentos com excesso de gorduras e açúcares.

Outras Dicas Para Prevenir as Estrias na Gravidez:

  • Assim que souber da gravidez, procure orientação médica para começar o tratamento com cremes específicos e auxiliares na prevenção de Estrias na Gravidez;
  • Evite ganhar mais peso do que é recomendado (15 quilos), pois quanto mais rápido o aumento, mais depressa a pele se distende;
  • Pratique exercícios regularmente e mantenha uma dieta balanceada;
  • Modere o consumo de frituras, sal, gorduras, refrigerantes e doces;
  • Use roupas leves e confortáveis;
  • Descanse sempre que puder. Não que isso influencie diretamente na prevenção das Estrias na Gravidez, mas você estará sempre melhor consigo mesma, ajudando na sua saúde e na do seu bebê.

DEIXE SEU COMENTÁRIO!

Comentários

VOCÊ PRECISA VER ISSO:

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.